Copel afirma que tenta restabelecer fornecimento nas áreas onde houve maiores danos à rede de distribuição.

79 mil unidades estão sem luz no Paraná Victor Hugo Bittencourt/RPC Três dias após o temporal que atingiu várias cidades do Sul do Brasil, 79 mil unidades consumidoras continuam sem luz na manhã desta sexta-feira (3) em todo o Paraná, de acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel). De acordo com a companhia, a região leste do estado, que abrange o litoral e a Região Metropolitana de Curitiba, foram as mais afetadas, e onde há o maior número de pessoas ainda sem energia. Municípios com maior número de unidades sem luz: São José dos Pinhais - 5,2 mil Quitandinha - 4,8 mil Mandirituba - 3,6 mil Guaraqueçaba - 3,5 mil Morretes - 3,2 mil Paranaguá - 2,8 mil Lapa - 2,1 mil Curitiba - 1,8 mil Colombo - 1,6 mil Na quinta-feira (2), o gerente de Departamento de Manutenção na Copel Distribuição, Rafael Eichelberger, afirmou que algumas casas podem ficar até uma semana sem energia, devido à complexidade das obras de reparo. As situações estão sendo avaliadas caso a caso pelas equipes da Copel, considerando o número de casas sem fornecimento de energia por região e os estragos causados. Ciclone bomba afeta clima no Sul e no Sudeste; veja 5 curiosidades sobre esse fenômeno A Copel informou que este foi o pior evento climático da história da companhia.

Alternadamente, mais de 1,8 milhão de unidades ficaram sem energia em algum momento desde terça-feira (30), o que representa cerca de 40% de todo o estado. Guaraqueçaba Os 3,5 mil unidades sem energia de Guaraqueçaba, no litoral do Paraná, representam 99% de todas as residências do município. Moradores do litoral fazem protesto por causa da falta de energia Segundo a Copel, os dois alimentadores que energizam o município possuem trechos danificados. A companhia afirmou que equipes estão trabalhando nos acessos terrestres e em barcos para restabelecer o serviço na região. De acordo com a Copel, a situação das redes que atendem as unidades da cidade é crítica, mas a expectativa é que maior parte dos serviços seja realizada nesta sexta-feira. Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.