A banda Misbehaviour, uma das referências em Dourados e no  no gênero Metal Rock, lança nesta sexta-feira (7) o single “Will You Kil My Monster?”. Acompanhado de lyric vídeo já disponível no cana da Radar Records, a música condena um dos problemas sociais, e crime, que vive nas sombras de diversas famílias brasileiras: o abuso sexual infantil.

O vocalista da banda, Gilson Buzzio conta ao jornal Midiamax que ao escrever a música, em conjunto com a poetisa douradense Michele Valverde, relatou experiências sofridas por si mesmo durante a infância. Segundo ele, o alerta aos pais e responsáveis deve ser feito para que o assunto seja tratado com seriedade, e não vergonha, como acaba acontecendo, principalmente com as vítimas.

“No geral, a música tem vários sentimentos do por que nós falamos de como o abusador age sorrateiramente. Sempre na base da conquista da confiança da criança, com atenção ou presentes como doces e brinquedos. A música conta o sentimento de medo. É um alerta para os pais e responsáveis avisarem seus filhos que ninguém pode trocá-las de modo a constrangê-las. Se sentirem que algo é errado, elas tem que denunciar para quem confiam”, conta o vocalista da Misbehavior.

Segundo Buzzio, a música gira entorno de quem foi abusado e não teve a ajuda necessária, como foi o caso dos compositores. O vocalista chegou a ser internado em uma clínica de recuperação em Campo Grande mesmo por abuso de drogas e tentativa de suicídio, mas ressalta que graças a música e à arte, voltou a ter alegria na vida.

“Eu tive apoio. Mas quem não tem? Pode se tornar um monstro no futuro, daí vem o lance louco do refrão. É como se o abusado, que muitas vezes dizem para esquecer o que aconteceu, clama por ajuda e pergunta: ‘Você vai matar meu monstro?’, como se dissesse: ‘É fácil esquecer, você não viveu com isso’. Nunca se esquece de um trauma assim. Aprende-se a viver com as cicatrizes, que nunca somem”, conta.

Deixe seu Comentário