Foto: Reprodução


Na tarde desta quinta-feira (15), a Vigilância Sanitária Municipal de Juti acompanhou o processo de incineração de drogas apreendidas, solicitada pela Polícia Civil representada pelo delegado Dr. Silvio Ramos Pereira.
O procedimento foi realizado no Frigorífico Frizelo em Juti. As drogas foram destruídas a uma temperatura de mais de mil graus Celsius, conforme preconiza a legislação. O descarte do entorpecente deve ser realizado em forno de alta temperatura e com queima instantânea, sem afetar o meio ambiente e, consequentemente, as pessoas.
Segundo a Lei nº 11.343/2006, a destruição das drogas pelo delegado de polícia deve ser realizada na presença da autoridade sanitária. A presença do órgão municipal no ato da incineração da droga deve-se ao fato de a Vigilância Sanitária estar diretamente ligada às questões de saúde pública.




FONTE: ASCOM
Donny Rojas - MTB 1717/MS

Deixe seu Comentário